Folha o Vale do Paranapanema

O Jornal de Bela Vista do Paraíso e região.

Parabéns Bela Vista do Paraíso, 70 anos de emancipação política.

Nós participamos dos últimos 20 anos de sua história.

Clique no mês ou página a esquerda que deseje e tenha o melhor de

Bela Vista do Paraíso e região. Boa Leitura.

 

Ano XXI.

Mostrando Bela Vista do Paraíso e o melhor da região.

Acesse através da aba a esquerda.

Mais imagens da última edição e aperitivos para próxima. Aguarde!
   

Foto 1 - Sofia Fabrim Gomes representou Bela Vista do Paraíso no Miss Teenager. 

Foto 2 - Partida de futebol feminino entre equipes de Santa Margaridade e Alvorada. 

Foto 3 - Show com o humorista Tonho Prado, da TV Aparecida em Bela Vista do Paraíso.

Foto 4 - Debate sobre segurança pública em Bela Vista do Paraíso.  

 

Palestra com debate sobre segurança pública em Bela Vista do Paraíso

Foi realizada em Bela Vista do Paraíso uma reunião para debater a segurança pública em nossa cidade. O evento foi organizado pela Polícia Militar, pela Conseg e pela Associação Comercial. Os temas abordados pelo comandante do destacamento da PM da cidade sempre foram no sentido de conscientização dos deveres e direitos de cada parte da sociedade, pois somente uma ação conjunta trará os objetivos alcançados.
A Polícia Militar tem a função de preservação da ordem pública, com policiamento ostensivo fardado, patrulhamento, abordagem, verificação de pessoas e veículos, além de policiamento repressivo e atendimento via telefone, pelo número 190.
A Polícia Militar trabalha com a hipótese do triângulo do crime, que tem como pilares a oportunidade, o criminoso e a vítima. As oportunidades são as criadas pelas vítimas, sendo elas a displicência, a falta de atenção, a falta de cooperação com os outros, o individualismo, o materialismo e a ostentação. Existem também as oportunidades criadas pelo marginal – como diz um velho ditado, “a ocasião faz o ladrão” – e são elas a habilidade, o planejamento e a ousadia; e por “profissionais do crime”, como estelionatos e ataques a caixas eletrônicos.
Atualmente, podemos verificar que grande parte da criminalidade tem alguma ligação com o tráfico de drogas e também podemos perceber que a maioria dos crimes é praticada por pessoas que não poderiam ser classificadas como “profissionais” do crime. São poucos os crimes realizados com planejamento verdadeiro.
Com este pensamento, chegamos a constatar que os crimes que chegam mais próximos da população são os pequenos delitos, os que ficaram fáceis para os marginais, se houver problemas ou dificuldades eles tentarão encontrar algo mais fácil. Simples detalhes frustram as expectativas dos bandidos. Então, ao sair do carro ou de casa verifique, faça uma checagem, veja se está dificultando as coisas, o alarme está ligado? As portas estão fechadas? Tomou as devidas medidas preventivas? Então, atenção: veículo fechado, casa fechada, andar na rua com atenção e verificar a iluminação, visibilidade, seja companheiro. A prevenção do crime, portanto, torna-se a ação mais lógica e econômica, as ações preventivas minimizam a demanda que pesa sobre a polícia.
Seja solidário, faça de tudo para ajudar. A ajuda um dia pode ser para você, pense nisso! Viu algo suspeito? Tem informações relevantes? Ligue 190. O policial irá atendê-lo e anotar a sua denúncia. A denúncia é anônima, contudo se possível informe seu nome, seu telefone para retorno e para facilitar o contato. Sua denúncia pode ser a única oportunidade de quem está ou vai ser abordado por um marginal. Lembre-se: ele pode ser você ou um membro de sua família, ou até mesmo a sua casa. Se houver algo suspeito, ligue para o 190 o mais rápido possível. Sua ligação pode salvar um inocente.
Se você sofreu algum tipo de crime, vá até a delegacia e registre. Sua ocorrência é importante para o sistema de segurança, estatísticas influenciam no policiamento da cidade.
Caso você seja abordado por um policial, faça o que ele pedir, não corra, fique parado, não se mova. Se estiver dentro de um veículo, saia do veículo com calma, sem movimentos bruscos, com as mãos à vista ou com elas para cima.
Só responda o perguntado, na maioria das vezes o policial não o conhece e nem tem a obrigação de conhecê-lo. Se o policial está abordando, fique feliz, pois ele está fazendo o trabalho dele.

 

Opinião - Aparte do Júnior

Difícil, complicado e confuso

Caros amigos leitores deste jornal e em especial desta coluna, na edição anterior, no primeiro parágrafo, disse que nossas autoridades não chegam a nenhum acordo e suas decisões desagradam a quase todos os brasileiros, pois nunca são tomadas para beneficiar a maioria da população e parecem que são criadas somente para proteger os interesses políticos dos próprios agentes que estão no poder, e passando a conta, é claro, para o povo pagar.
Inicio assim novamente, pois a cada dia mais tenho a certeza que as coisas no Brasil são feitas para dificultar. Vou citar alguns exemplos para você, leitor, pensar o porquê de tudo isso. Nosso país é o lugar com mais impostos do mundo – ainda não falei sobre as taxas e sim em impostos: ICMS, PIS, COFINS, IR, IRPF, IOF e por aí vai... As taxas são umas das maiores do mundo e são aplicadas em diversos nomes e tipos para confundir, dificultar. Nas eleições não são os mais votados que são eleitos e sim os melhores colocados de cada grupo. No caso da eleição para vereador ou deputado, que adota o sistema eleitoral proporcional, as vagas das Câmaras serão distribuídas em proporção aos votos obtidos pelos partidos ou coligações e preenchidas pelos candidatos mais votados da lista da legenda ou coligação, até o limite das vagas obtidas. O preenchimento das vagas é feito segundo o cálculo do Quociente Eleitoral (QE) e do Quociente Partidário (QP) e distribuição das sobras. Entendeu? Tudo muito simples e prático, correto? Quanto mais enrolado melhor. Para que facilitar se posso dificultar? As leis não são claras, às vezes nem mesmo as autoridades conseguem chegar a um bom senso ou acordo – veja na matéria anterior que os ministros do Superior Tribunal Federal (STF) quase se pegaram. No caso da Lava Jato, as provas valem, no outro minuto não valem mais, mas agora já valem, entretanto podem novamente perder o valor. Ficou claro? O que é isso? Uma brincadeira, um jogo... Não são apenas as nossas leis.
Na última semana, o STF tinha em pauta o julgamento da proposta que pretende limitar o foro privilegiado a crimes cometidos por parlamentares durante e em razão do mandato. Uma regalia que beneficia mais de 50 mil autoridades que somente podem ser julgadas por tribunais superiores. Durante a votação, a maioria dos ministros se colocou a favor de restringir o foro privilegiado. No entanto, o ministro Dias Toffoli pediu mais tempo para estudar o processo e, com isso, interrompeu uma decisão final pela corte. O Supremo suspendeu a votação no dia 23, e não tem data para retornar ao plenário.
Então, analisando o que eu vinha falando acima e esta informação sobre o foro privilegiado, começamos a acreditar que algo está sendo feito, correto? Mas as coisas não são bem assim. No Brasil, as coisas são complicadas, difíceis de entender! Com a maioria dos ministros do STF a favor do fim do foro privilegiado, acreditamos que após sua votação ele irá acabar. Mas a resposta é NÃO! Se for aprovado e publicado, o acórdão é apenas para certas situações.
Paralelamente, na Câmara Federal está em discussão também um fim do foro privilegiado que é mais abrangente, mas estão tentando incluir o famoso “ABUSO DE AUTORIDADE”. Será que nosso país ainda tem jeito? Sem uma ação popular, acho que não. Uma luta tem que ser iniciada, a corrupção tem que ser atacada e erradicada, o povo tem que se levantar... Mas, como comecei a matéria, tudo por aqui é difícil, complicado e confuso. Este é o nosso BRASIL.


Amigos que nunca se esqueceram de suas raízes bela-vistenses realizam encontro

 

Um grupo de pessoas que viveram juntos a infância e a juventude em Bela Vista do Paraíso, mas nunca perderem o vínculo com a cidade e os amigos que permaneceram por aqui, está sempre se reunindo e colocando as conversas em dia. A iniciativa deste contato de amizade e companheirismo se iniciou com moradores de Curitiba que mantinham vínculo com a Princesinha do Vale do Paranapanema.
Estes ex-moradores foram se encontrando na capital paranaense até formarem esta grande irmandade de bela-vistenses em Curitiba. Pedro Ramos e Norberto Torres de Almeida (Tuca) são, na maioria das vezes, os mentores das tradicionais reuniões.
No início do mês de novembro, Pedro e Tuca, aproveitando o feriado de finados em que viriam a Bela Vista, já começaram a se movimentar e ver quem estaria de viagem para a querida cidade onde os membros passaram as maravilhosas infância e juventude pelos campinhos de futebol de terra, tardes no Clube Recreativo Belavistense, apresentações no Teatro Municipal e até na represa perto de Santa Margarida.
Pedro entrou em contato com Rubens Augusto (Rubinho), e foi marcada uma reunião em Londrina no Galpão da Costela com moradores de Bela Vista do Paraíso da década de 60. O evento contou com aproximadamente 40 pessoas, entre moradores e ex-moradores da querida Bela Vista do Paraíso.
Durante as horas mágicas, amigos de infância e juventude da década de 1960 estiveram reunidos para colocar a conversa em dia e festejar a vida, recordando também os amigos e familiares que já se foram. O grupo pode ser encontrado no Facebook com pessoas que moram em várias partes do Brasil e que têm um vínculo com a cidade, especialmente de Curitiba, Londrina, Rolândia e Bela Vista do Paraíso, cidades citadas por estarem presentes no evento. Este é o grupo Tamujunto.

 

Visite a página abaixo e tenha tudo na ponta dos dedos.

www.omelhordarua.com.br

 

www.startglobal.com.br - Clique e acesse!

 

Como deve ficar o Teatro Municipal de Bela Vista do Paraíso

 

Neste endereço você encontrará os principais telefones do comércio e informações úteis sobre entidades públicas, secretarias, escolas, hospitais, entre outros.
Links de endereços para tornar sua vida mais fácil. As informaçoes de Bela Vista do Paraiso e região, dicas de saúde e muito mais.
Grandes promoções de sua cidade.
Promoção de um dia, de uma semana. É sensacional!
Visite o site, faça seu cadastro e fique por dentro de todas as vantagens deste novo canal e ainda concorre a brindes. Confira!

A Folha o Vale do Paranapanema, mantem parceria com esta agenda digital.

www.omelhordarua.com.br 

 

Envie para Folha O Vale do Paranapanema Sua foto, seu evento ou reclamação de Bela Vista do Paraíso e região... O material pode sair na próxima edição do seu jornal Folha O Vale do Paranapanema. é simples e fácil.
Click no link abaixo e envie por email direto, seu material ou comentário sobre os fatos de Bela Vista do Paraíso e região ou preencha a ficha de comentário abaixo para ser editada nas páginas do seu Jornal Folha O Vale do Paranapanema.
fotos@valedoparanapanema.com.br

Envie sua matéria, reclamação ou informe o seu evento. Ele pode sair nas páginas da Folha o Vale do Paranapanema de Bela Vista do Paraiso.

sejaoreporter@valedoparanapanema.com.br 

 

Bela Vista do Paraíso a princesinha do Vale do Paranapanema. 

Aqui você encontra o melhor de Bela Vista do Paraíso e região!

com apoio  www.startglobal.com.br e www.omelhordarua.com.br

Envie seu comentário no formulário abaixo.

Nome
E-mail
Cidade        UF
Telefone
Comentários
 

 

 


Estamos em constante atualização